Com vocês… os pré-candidatos

Newton César- Jair Lemos Blog
Foto: Arquivo Pessoal

O entrevistado desta quinta-feira (13) é o engenheiro de produção, advogado e ex-vereador Newton César Silva Pinto, (DEM), 61 anos, natural de Mirassol. Newton foi candidato a prefeito em 2016, quando obteve 5.800 votos, 20,36% do total, ficando na terceira colocação. Foi vereador e presidente da Câmara por duas vezes.   

Newton, o que o leva a disputar, novamente, a eleição para prefeito de Mirassol? 

Newton César – A vontade de servir, o  amor pela cidade e pelas pessoas. Deus me deu a honra de  nascer, crescer e ter minha família aqui, filhos e netos, conheço a cidade, sei como funciona a máquina pública, tive a humildade de começar como vereador, adquirir conhecimentos, tenho uma visão clara do que a cidade precisa, do momento político, econômico e social do município. Vejo que é o momento da cidade retomar o rumo do desenvolvimento e de melhorar a vida das pessoas.

Como estão as articulações para viabilizar sua candidatura? Com quantos e quais partidos você espera contar? 

Newton César – Esse é o grande segredo da política. São os entendimentos da fase pré-eleitoral. Antes dos partidos é preciso contar com às pessoas, que têm responsabilidade única e amor pela cidade, é com essas pessoas que tenho conversado e com elas pretendo compor, jamais negociar. Porém a legislação exige que todo candidato seja filiado a partido político e hoje contamos com o apoio de quatro deles, são partidos que tem estrutura e força tanto nos governos federal e estadual.

Na eleição passada, você e o ex-vereador Donegá Neto disputaram o pleito, obtendo, respectivamente  5.800 e 4.384 votos, o que. somados, dão 10.184 votos. Hoje tudo leva a crer que o Donegá será consolidado como seu vice. Você acredita que a dobradinha poderá manter os votos de ambos da eleição passada?

Newton César – Trabalhamos para isso, fizemos campanha sem gastos, recebemos votos de confiança e continuaremos trabalhando no mesmo sentido.

Quias as principais áreas da administração que você vê como prioridade na gestão pública do município? 

Newton César – Tudo é prioridade, mas gerar emprego e renda e investimentos no processo industrial e de prestação de serviços. Mirassol tem uma localização privilegiada, que facilita a atração de novas empresas. Para a área de prestação de serviços, priorizar um crescimento ordenado e equilibrado, buscando por investimentos imobiliários de qualidade. Com a combinação desses fatores será possível retomarmos o crescimento, dando condições de vida e dignidade às pessoas e fazendo girar a economia.  

Cuidar com carinho das pequenas e microempresas, oferecer um tratamento tributário diferenciado, reduzir a burocracia para abertura e funcionamento, priorizá-las nas compras de bens e serviços do município. Dessa forma, o poder público pode ser um grande cliente dos pequenos negócios e fazer o dinheiro circular na própria cidade, gerando emprego e renda e dinamizando a economia e o comércio local. 

Cuidar do meio ambiente, produzir o desenvolvimento sustentável, inserir uma política adequada voltada a preservação das áreas verdes, mananciais, matas ciliares, ao uso e manejo dos recursos ambientais e à educação ambiental, fatores que estão diretamente ligados na qualidade de vida atual e na preservação das futuras gerações. 

Hoje no mundo competitivo a educação é tudo, e isso vai definir o futuro da cidade, educação é o meio que aproxima as classes sociais, possibilita o crescimento moral, intelectual e financeiro. Valorizar o professor é essencial na educação escolar, aprimorando as habilidades e melhorando a competência das pessoas.  

A educação no ambiente escolar é fundamental na formação do conhecimento e dos valores, quanto mais avançarmos na educação mais possibilidades temos de qualificar mão de obra de qualidade, de atrairmos empresas e empregos, de melhores salários e de superarmos os desafios da exclusão social. 

Quais os maiores problemas que Mirassol enfrenta atualmente, fora a questão da pandemia? 

Newton César – Planejamento municipal: rever e propor os instrumentos legais para facilitar o desenvolvimento urbano, econômico e social do município, como Lei de Uso e Ocupação do solo, Código de Obras, Código de Posturas, Código Tributário e Plano Diretor, como instrumento básico de ação urbanística. Também nos preocupamos com a segurança alimentar das pessoas, com a oferta de habitações populares, com projetos para crianças e adolescentes, com a falta de cultura, esporte e lazer, enfim são desafios imensos, que devem ser superados passo a passo.

Como você espera se relacionar com a Câmara de Vereadores? 

Newton César  Fui vereador por duas gestões, fui presidente da Câmara Municipal, e sei quando as partes estão interessadas no desenvolvimento do município e assumem responsabilidades, aí o relacionamento torna-se fácil  e institucional.

É consenso que a saúde continua sendo o “Calcanhar de Aquiles” das gestões públicas. Se eleito, o que você fará para melhorar o setor. 

Newton César – Temos que levar em consideração que as UBS(s) são as principais estruturas de atendimento aos usuários em referência a atenção básica, com consultas médicas e a saúde bucal, distribuição de medicamentos e solicitações de exames, mesmo que tenham que ser adquiridos da rede privada. É preciso que funcionem adequadamente, assim como  a UPA. O compromisso é uma saúde humanizada, com respeito absoluto no atendimento e no acolhimento dos usuários, através de um programa sólido de gestão, com a participação de todos, dimensionando equipes e necessidades adequadamente,  ouvindo a população, enfim tudo pensado para melhor atender as pessoas. Buscar meios de parceria com o Lar São Francisco para o término  do hospital.

Passando o quadro geral da pandemia do coronavírus, sem dúvida os novos prefeitos irão encontrar uma situação bastante crítica, como o desemprego e a consequente questão social, assim como a economia estagnada. Como você pretende lidar com essas questões? 

Newton César – O que a cidade vai precisar é de um projeto político-econômico sério, porque o momento é delicado e a necessidade para juntar pessoas em torno desse projeto político, para a retomada do crescimento, precisa ser prioridade.  

Projetar o ano que vem será difícil para todos, e o cenário econômico continuará sendo avaliado, mas Mirassol tem grande potencial para superar essa crise e retomar o crescimento, recuperando a atividade industrial e comercial.  

As contas públicas para o ano de 2021 devem ser apresentadas dentro da normalidade, pois o município tem recebido aporte financeiro de leis aprovadas no congresso que equilibram o orçamento. 

De onde sairão os recursos para colocar em prática suas propostas? 

Newton César – Vamos buscar meios de desenvolver propostas da forma mais eficiente possível. Para resolver qualquer prioridade você precisa, acima de tudo, ter renda orçamentária.  

O município tem duas formas de tributos, as transferências dos governos estadual e federal (fundo de participação-ICMS), receitas próprias (IPTU-ISS) e partilhadas (IPVA). Para que sejam bem aproveitados, é necessário meticuloso planejamento de caixa, reordenação de despesas e a busca constante da elaboração de etapas com bases técnicas, combinados com emendas parlamentares e projetos oferecidos pelos governos estadual e federal, com quem tenho profundo relacionamento.

Trabalhar tambem junto a investimentos da iniciativa privada, com parcerias produtivas como foi o caso do Distrito Industrial que leva o nome do meu pai, Newton Flávio Silva Pinto, e que hoje gera centenas de empregos, e do qual fui um dos idealizadores e sinto muito orgulho disso.

Qual é seu maior projeto (obra ou programa) para Mirassol? 

Newton César – Meu maior projeto é cuidar das pessoas, fazer uma gestão interativa, implantar uma nova gerência pública, onde a participação popular seja efetiva, tanto na saúde, educação, geração de emprego e renda, planejamento urbano, políticas públicas etc. Contar com todos, que carregam, como nós, a bandeira da cidade e o amor pelas pessoas que aqui vivem, provocando uma verdadeira revolução em favor dos princípios éticos, que é a base real para o resguardo da coisa pública. Isso dá certo. 

Uma mensagem para a população 

Newton César – Hoje é preciso conhecimento da coisa e da causa pública, a ideia do novo não seduz mais, pois é preciso experiência e compromisso. Vamos trabalhar e prosperar. É para frente que se anda! 

2 COMMENTS

  1. A. Proposta sao boas o duro e que o povo não reconhece o que e melhor pra Mirassol nós precisamos de gente competente

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here