O volume de vendas do comércio varejista no Dia das Crianças deverá registrar crescimento de 3,4% neste ano, o melhor desempenho desde 2013, segundo a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A estimativa é que as vendas durante o período devem movimentar R$ 7,4 bilhões e que o crescimento já leva em conta os descontos relativos à inflação, na comparação com 2016.

A confederação ressalta o fato de que o resultado será o melhor registrado pelo varejo nesta data desde o crescimento de 5,1% verificado em 2013. Os setores de roupas, calçados e brinquedos deverão ser os mais movimentados. Os preços dos presentes para os pequenos devem ajudar a alavancar as vendas, uma vez que subiram menos que a inflação do período: brinquedos (+3,97%) roupas infantis (+4,37%) e calçados infantis (+3,24%).

As vendas do Dia das Crianças costumam ser um termômetro para o final de ano. Antes do Natal, o comércio também aposta na Black Friday. “Normalmente o último trimestre do ano costuma ser o melhor para o comércio, e se outubro vai bem, o final de ano costuma ter bons resultados com relação ao ano anterior. Tomará que a retomada da economia volte este ano ainda. Os números estimados são bons porque no ano passado, com a pandemia, as lojas ficaram fechadas, então vamos ser otimistas”, comentou a presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Mirassol (Sincomercio), Gisela Lucas de Araujo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here