Infrações no lockdown geram quase R$ 800 mil em autuações em Rio Preto

Em Mirassol o decreto com novas restrições começa a valer a partir de hoje à noite

De quinta-feira (17) até domingo (20), 449 pessoas foram abordadas pela fiscalização durante o lockdown em Rio Preto, sendo 127 delas autuadas. Em média, de cada quatro pessoas abordadas uma foi autuada,  o que representa 28,2% do total.

Das 127 autuações, 97 ocorreram em blitzes e 30 em patrulhamento. No total, as autuações aplicadas somam valor de R$ 799.592,00. A multa mínima é de 100 UFM (Unidade Fiscal Municipal), o que dá R$6.296,00 cada infração.

Dentre os autuados, está um proprietário de uma casa em um condomínio de luxo na zona leste da cidade, que estava sediando uma festa.

Segundo a assessoria de imprensa da Vigilância Sanitária, todo o dinheiro arrecadado com as multas será destinado a ações da pasta. “Qualquer ação, desde compra de materiais ou contratação de serviços, até campanhas. O dinheiro poderá ser usado para a Vigilância Sanitária, Vigilância Epidemiológica ou Vigilância Ambiental”, diz a nota.

Todas as pessoas ou estabelecimentos multados podem recorrer e, para isso, devem entrar em contato com a Vigilância Sanitária para impetrar o recurso. “Quem não pagar a multa fica com o nome restrito na dívida ativa do município”, conclui a nota da assessoria.

MIRASSOL

As restrições contidas em decreto da Prefeitura de Mirassol começam a valer a partir desta segunda-feira (21). Foi feita em comum acordo com municípios de Jaci, Mirassolândia e Neves Paulista, e tem validade até as 23h59 do próximo dia 30. 

Entre as medidas está o fechamento do comércio, fornecimento, consumo de bebidas alcoólicas entre as 20 horas e 7 horas da manhã. Será proibida a circulação de pessoas entre as 21 horas e 5 horas, inclusive em condomínios, clubes e áreas residenciais, exceto para trabalhadores e pessoas em busca de atendimento médico.

Também proíbe e funcionamento de supermercados e similares, bares, restaurantes e comércio do gênero alimentício, entre 20 e 7 horas. É proibido a realização de festas, reuniões e eventos em locais públicos ou particulares com qualquer finalidade.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here