INSS divulga novo calendário para prova de vida de aposentado e pensionista

Quem não comprovar poderá ter o pagamento do benefício suspenso

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) divulgou, nesta segunda-feira (dia 5), um calendário mais amplo para que aposentados e pensionistas façam a prova de vida anual, levando em conta o mês e o ano em que a última comprovação feita pelo segurado venceu, ou seja, a data em que um novo recadastramento deveria ser feito.

Vale lembrar que o procedimento ficou suspenso por mais de um ano, desde março de 2020, por causa da pandemia, tendo sido retomado a partir de 1º de junho deste ano.

O novo calendário consta da Portaria 1.321 do INSS, publicada no Diário Oficial da União. A prova de vida tem o objetivo de evitar fraudes e pagamentos indevidos.

Se o recadastramento não for feito no mês indicado (confira o cronograma abaixo), o pagamento poderá ser bloqueado ou suspenso pelo INSS. Após a suspensão, se a prova de vida não for feita num prazo de até seis meses, o benefício será, enfim, cessado. Ainda assim, o beneficiário terá uma última chance de recuperá-lo. Neste caso, será preciso solicitar a reativação do pagamento pelo Meu INSS.

Como comprovar?

Agora que sabemos as datas em que os beneficiários devem fazer a prova de vida, veja a seguir as opções disponíveis para quem precisa fazer o procedimento.

Presencial: basta ir até a agência bancária onde o segurado recebe o benefício e apresentar documentos pessoais, como CPF e documento com foto. Assim, o gerente irá efetivar a prova de vida no sistema, informando a regularidade do beneficiário.

Biometria facil: esse serviço está disponível para aqueles que possuem registro de biometria junto ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Assim, basta acessar o Meu INSS e buscar pela opção “prova de vida”. Depois, você pode acompanhar o resultado sem sair de casa.

Biometria bancária: para aqueles que possuem o cadastro na agência onde recebem o benefício, basta utilizar um caixa eletrônico para fazer a prova de vida. Atualmente, a maioria dos bancos também estão aceitando as movimentações bancárias por meio da biometria para registro da prova de vida, como por exemplo, a Caixa Econômica Federal.

Aplicativo: se você têm o costume de utilizar aplicativos, o Banco do Brasil oferece a opção de fazer a prova de vida por meio do seu app. Desta forma, correntistas e poupadores devem procurar a opção “INSS” e “Prova de vida INSS”. O procedimento é feito a partir do registro de uma foto do documento que identifica o beneficiário e também uma selfie.

Visita domiciliar: para aqueles que possuem dificuldade de locomoção e, por isso, não podem comparecer em uma agência, é possível receber atendimento domiciliar. basta entrar em contato com a Central Telefônica 135 e agendar a visita de um servidor do INSS.

Mês de vencimento originalMês em que deve ser feita
Até abril/2020Junho/2021
Maio e junho/2020Julho/2021
Julho e agosto/2020Agosto/2021
Setembro e outubro/2020Setembro/2021
Novembro e dezembro/2020Outubro/2021
Janeiro e fevereiro/2021Novembro/2021
Março e abril/2021Dezembro/2021
Maio e junho/2021Janeiro/2022
Julho e agosto/2021Fevereiro/2022
Setembro e outubro/2021Março/2022
Novembro e dezembro/2021Abril/2022
Janeiro e fevereiro/2022Maio/2022
Março e abril/2022Junho/2022
Maio e junho/2022Julho/2022
Julho/2022Agosto/2022
Fonte: INSS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here