Mirassol anuncia medidas restritivas para combater a Covid-19

As novas medidas valem a partir desta quarta-feira, dia 3

O prefeito de Mirassol, Edson Ermenegildo (PSDB), assinou nesta tarde o Decreto nº 5.804, determinando  medidas mais restritivas no combate à Covid-19. No município, 4.312 pessoas já se infectaram desde março do ano passado, sendo que 85 mirassolenses já vieram a óbito e há 49 munícipes internados. As novas medidas valem a partir desta quarta-feira (3).

O comércio, por exemplo, poderá funcionar das 8 às 18 horas, apenas com atividades internas, sem receber o público de forma presencial, com entregas via delivery. Academias, barbearias e salões de beleza não poderão atender de forma presencial.

“Tivemos que tomar estas medidas restritivas devido ao aumento de casos e internações no nosso município. Esperamos que todos os mirassolenses se cuidem, respeitando todas as medidas de higiene, como distanciamento e uso de máscara”, disse o prefeito Edson Ermenegildo. 

O que muda a partir desta quarta-feira

– Fica proibido o desenvolvimento das atividades não essenciais,  como academias, barbearias, salões de beleza e outras do gênero, que não poderão atender de forma presencial;

– O comércio poderá funcionar das 8 às 18 horas, apenas com atividades internas, sem receber o público de forma presencial, com entregas via delivery;

– Supermercados, mercados e padarias poderão funcionar das 6 às 22 horas;

– Restaurantes, lanchonetes, e serviços do gênero alimentício poderão funcionar das 6 às 18 horas, apenas com atividades internas, sem receber o público de forma presencial, com entregas via delivery;

– As igrejas e demais atividades religiosas consideradas essenciais, poderão funcionar das 6 às 20 horas.

Com relação as demais atividades e serviços não comtemplados no presente Decreto, deverão ser observadas as medidas de enfrentamento ao Covid-19 previstas no Plano São Paulo.

A Prefeitura informa que o descumprimento das normas previstas no Decreto sujeitará os infratores à aplicação das sanções previstas nas normas posturais, sanitárias e demais normas municipais em vigor. 

Confira o decreto na íntegra:

https://dosp.com.br/exibe_do.php?i=MTU0NDcz

Fonte: Assessoria de Imprensa da PMM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here