Mirassol gerou 419 postos de trabalho com carteira assinada em agosto

Os maiores avanços ocorreram nos setores de indústria, com 349 vagas / Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O mercado de trabalho de Mirassol gerou 419 postos de trabalho com carteira assinada em agosto de 2020, aponta o novo CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). Foram 816 admissões e 397 desligamentos.

Dentre os cinco grandes grupos econômicos, nenhum registrou queda. Por outro lado, em números absolutos, os maiores avanços ocorreram nos setores de indústria (+349 vagas) e construção (+39 vagas). O comércio local gerou no mês +24 vagas, sendo delas +23 no varejo.

Considerando os números do ano, acumulados nos primeiros oito meses, há avanço de 292 empregos formais. Os melhores resultados foram na construção (+130 vagas) e na indústria (+353 vagas). Já os saldos negativos ocorreram no comércio (-132 vagas) e serviços (-63 vagas). Somente o varejo perdeu 98 empregos no ano.

SOBRE O CAGED

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) foi criado como registro permanente de admissões e dispensa de empregados, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

É utilizado pelo Programa de Seguro-Desemprego para conferir os dados referentes aos vínculos trabalhistas, além de outros programas sociais.

Este Cadastro serve, ainda, como base para a elaboração de estudos, pesquisas, projetos e programas ligados ao mercado de trabalho, ao mesmo tempo em que subsidia a tomada de decisões para ações governamentais.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here