Picadeiro na Câmara de Mirassol

Vereador Nando Nogueira em pronunciamento/Reprodução

Durante a sessão ordinária da Câmara de Mirassol, nesta segunda-feira (05), o vereador Nando Nogueira (PL) fez da tribuna um picadeiro particular. Usando uma cartola e um nariz de palhaço, ele criticou o governo municipal, principalmente no tocante à instalação de um hospital de campanha para a Covid-19, medida descartada pela administração sob a alegação de falta de recursos.

Recursos

Sobre a falta de recursos, Nando Nogueira disse que a justificativa de que a prefeitura não poderia usar a outorga onerosa (recurso arrecadado pela prefeitura) para o hospital de campanha conforme entendimento do Tribunal de Contas, não procede. Segundo ele, o TC não apontou nada. “Eles não fazem por que não querem” disse. “Vão usar a outorga para maquiar a cidade nas eleições”, completou.

Contradição

Durante o pronunciamento, recheado de informações desencontradas e confusão verbal, o vereador se contradisse em relação ao combate à pandemia. Primeiro ele cobrou da administração mais ação no combate, entre eles a construção do hospital de campanha, mas no fim criticou o lockdown porque “causa mais aglomeração”, afirmando ser favorável à flexibilização. Enfim, gastou tempo vestido de palhaço, mas não contagiou. Tiririca faria melhor.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here