Na Semana Nacional do Meio Ambiente, a Prefeitura Municipal de Jaci e a CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) assinaram convênio para a realização do Programa Arborização + Segura, quando o município passará a  substituir, gradativamente durante quatro anos, 100 árvores, e a plantar 1.000 mudas de porte e espécies mais adequadas para o contexto urbano.

Nesta quarta-feira, 2, a prefeita de Jaci, Valéria Guimarães, junto ao Engenheiro Agrônomo Municipal Nelson Bressan Júnior, e o Consultor de Negócios da CPFL, Luís Antônio Gomes, iniciou o plantio de 50 mudas, sendo 10 de cada espécie (Copiaba, Cereja do Rio Grande, Carona Branca, Café de Bugre e Angico Vermelho), em uma área verde próxima à lagoa de tratamento da cidade.

A prefeita  aproveitou o momento e plantou a muda Café de Bugre, em homenagem ao vice-prefeito Wilson Berto (Rolinho), vítima da Covid-19. “Essa é uma forma singela de prestar homenagem ao Rolinho. Agora ele vai renascer na natureza, através de uma árvore”, disse.

Ainda de acordo com ela, todas as vítimas que perderam suas vidas em decorrência dessa triste doença serão homenageadas com o plantio de árvores. Em breve, após autorização dos familiares, será colocado uma placa de identificação com o nome do cidadão e a espécie plantada.

A cobertura vegetal é revitalizada de forma organizada minimizando os riscos envolvendo a rede elétrica, de água, esgoto, telefonia, calçamentos, iluminação pública, entre outros. Por meio do acordo, as mudas doadas já possuem porte mínimo que garantam maior possibilidade de estabelecimento e menor risco de vandalismo.

Com a inserção do convênio de arborização, a cidade sobe no ranking do Programa Município VerdeAzul (PMVA), que tem como intuito estimular a elaboração e execução de ações que promovam a melhoria continua da qualidade ambiental do município.

Fonte: Assessoria de Imprensa PMJ

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here