Quanto custa um vereador?

Uma nova atualização de dados feita pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) mostra o quanto custam os vereadores das 644 câmaras municipais paulistas. Curioso é que quanto menor a cidade, mais os vereadores pesam no bolso dos contribuintes, anualmente. Em Borá, o menor município do Estado, com 839 moradores, é onde a Câmara mais custa para seus habitantes. Cada habitante desembolsa R$ 892,30 por ano para sustentar os 9 vereadores. O estudo mostra o gasto total com pessoal e custeio, indicando o gasto per capita das cidades paulistas.

Mirassol

Por outro lado, em Mirassol, onde a população é estimada em 60.768 habitantes, cada um dos 10 vereadores custa R$ 48,26 para a população, valor bem abaixo da média estadual, que é de R$ 84,26.

Rio Preto

Rio Preto também se destaca entre as enxutas. Lá, os 17 vereadores custam anualmente R$ 50,98 para cada um dos 469,1 mil habitantes, valor também bem abaixo da média estadual, que é de R$ 84,26.

Comarca

Na Comarca, Mirassol é a mais enxuta, seguida de Bálsamo, com 9.209 habitantes, onde os 9 vereadores custam  R$ 72,63; Jaci, com  9 vereadores e 7.322 habitantes, com custo é R$ 106,39; Mirassolândia, com 4.966 habitantes, com custo de  R$ 114,40 para cada um dos 9 vereadores; e Neves Paulista, onde cada um dos 11 vereadores custa R$ 126,72 para uma população de 18.86 habitantes.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here