Vereador Beto Feres é denunciado na Comissão de Ética da Câmara

O vereador Beto Feres (PL), que é candidato a vice-prefeito na chapa do Dr. Edson Ermenegildo (PSDB), foi denunciado na Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da  Câmara de Vereadores, em sessão ocorrida nesta quarta-feira (28).

O pedido de abertura da Comissão partiu do vereador Walmir Chaveiro (PTB) que alega que o colega  apresentou atestado médico por problemas psicológicos por 15 dias, mas continuou normalmente sua campanha pelas ruas, inclusive fazendo caminhadas e frequentando churrascos e bares.

“Se ele apresentou atestado, não poderia estar nas ruas e principalmente em bares fazendo campanha, como tem postado em suas redes sociais, já que não deu nenhuma satisfação de sua ausência”, disse.

Chaveiro reclama que Feres continua recebendo o salário normalmente mesmo sem comparecer às sessões, o que não seria justo, por se tratar de dinheiro público. “Ele foi eleito para trabalhar para o povo e não em benefício próprio como tem feito”.

Beto Feres disse ao Blog que vai esperar ser notificado para se inteirar da situação e se defender, e que não fez nada de errado que possa ter levado a Câmara a tomar uma atitude dessas.

COMISSÃO

A Comissão de Ética foi composta pelos vereadores Daniel Sotto (presidente), Mineiro (vice-presidente) e Ademir Massa (relator). Antes, os vereadores aprovaram o afastamento do colega Pedro Palma da presidência da Comissão, por este ser do mesmo partido do denunciado.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here